Categorias
Músicas

Álbum musical — You and I Under a Dark Sky

Finalmente, lançado meu primeiro álbum e as críticas foram bem positivas. E o você, o que achou, me diga?

Com temática de astronomia e pitadas de mitologia, You and I Under a Dark Sky, é uma produção que mistura elementos melódicos de rock progressivo, com experiências sonoras orquestrais e sintetizadores, trazendo narrativas sobre a curiosidade humana pela descoberta do universo e a busca por compreender sua imensidão.

O álbum conclui com uma mensagem de esperança e curiosidade sobre a descoberta do universo, convidando você a embarcar nessa jornada imaginando uma noite completa de observação astronômica desde a hora azul até o nascer do Sol.

O processo de criação do álbum

Para mim, como artista, não existe maior satisfação do que a conclusão de um projeto. Maior ainda se é algo que eu realmente saí de minha zona de conforto. É o caso desse álbum. Imagine o que é ter uma ideia — criar um álbum musical com temática de astronomia e com pitadas de mitologia — sem sequer ter uma noção mais intermediária de música?

Sim, no passado eu já brinquei de mixar músicas, já cuidei de trilhas sonoras para diversos filmes, mas criar músicas do zero e em abundância para preencher um álbum com mais de uma hora de duração parecia loucura quando imaginei.

Só que, em arte — acho que em tudo na vida —, quando achamos que uma ideia é maluca, é hora de dedicar um bom tempo a ela. Sim, se a ideia não chega para balançar suas estruturas, é porque ela é fraca ou não te puxará para os limites de sua criatividade.

Dito isso, embarquei nessa jornada durante o raro tempo livre que tinha, entre outras atividades. Aprendi o suficiente de música para criar progressões de acordes e confiei em minha percepção para bons sons.

Como o tempo era escasso, criei um fluxo de criação utilizando dispositivos móveis (smartphone e tablet) para dar o pontapé inicial e aí o processo começou a progredir. Digo que o prazo, considerando o tempo de início do projeto até a publicação em termos de datas, foi de 2 anos, mas se pudesse ter me dedicado integralmente seria de 5 a 6 meses.

A masterização foi realizada no Logic Pro da Apple, mas busco soluções de software gratuito e livre para criar cursos acessíveis a todxs. Estou gostando bastante do LMMS, conhece? Indica algum?

O retorno do público

O mais legal é que, após publicado, recebi feedbacks que me causaram muita felicidade. Quem ouviu, chegou a citar que se lembrara de Jean-Michel Jarre, Tangerine Dream, Ben Prunty e outros grandes mestres da música eletrônica, tamanha era a qualidade do que criei. É claro, sei que estou bem longe do nível desses “monstros sagrados”, mas fiz tudo com tanto carinho e dedicação que, logo no primeiro álbum, ser referenciado dessa forma me fez querer prosseguir.

Outra coisa bacana gerada por esse aprendizado é que, com todo o conhecimento que acumulei na área de produção musical (desde a composição até a mixagem e a masterização), transformarei em conteúdo didático para futuros cursos gratuitos que serão disponibilizados aqui no site e em meu canal do YouTube. Aguarde!

Enquanto isso, ouça o álbum nas mais de 150 lojas e serviços de streaming que a minha distribuidora espalhou pelo mundo, e me siga em algumas delas para ser notificado de novas músicas que serão lançadas ainda nesse ano.

E você, o que achou? Me diga aqui pelos comentários. Sua opinião tem muita importância para mim. Obrigado de antemão. 🙂

Por Julio Sardinha

Olá, 100%? Sou Julio Sardinha, artista digital, adoro compartilhar experiências de aprendizagem e sou conhecido por transformar ideias e sonhos de pessoas em realidade.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *